href='http://pitangarosaa.blogspot.com/p/faq.html'>Parceiros

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Livros que li no mês de Junho.

Oi oi, meninas!

Demorou mas finalmente chegou o post que muita gente estava esperando.

Bom, me pediram pra eu fazer uma resenha de cada livro que li nesse mês, para os vídeos não ficarem muito repetitivos, resolvi juntar todos os livros e fazer um único vídeo, pra quem assistiu o vídeo, pode ver que não falei muito a respeito de cada livro, pois deixei pra explicar mais detalhado por aqui.







                                               De repente o destino




*Título: De repente o destino.

*Autora: Susan Fox

*Edição: única 

*Ano: 2013

*Páginas: 384




Em de repente o destino, a Susan Fox nós apresenta a história de uma das irmãs Fallon, Theresa, que é a irmã mais velha.
Theresa já foi casada, mas não deu muita sorte e então decidiu que iria viver sozinha pelo resto de sua vida e passou a não acreditar mais nos homens.
Theresa é uma mulher muito prendada e responsável e carrega com si um grande orgulho de sua profissão.
Ela sempre foi a CDF da família, sempre foi a que se destacou em tudo, principalmente nos estudos, ela era muito perfeccionista e nada, absolutamente nada poderia ficar fora de ordem. 

Confesso que no começo eu achei a Theresa Fallon sem sal, vamos concordar de que nada é perfeito, mas aos poucos vi que ela usava a sua profissão e toda a sua inteligência como uma capa de defesa, para que ela pudesse se ocupar mais, de vez de pensar em relacionamentos amorosos. 

Damien Black é um escritor de ficção muito bem sucedido e pra completar ele era um dos caras solteiros mais cobiçados da Austrália. 
Para a sorte da Theresa, ela teve a chance de conhecer outro lado do Damien, um lado mais profundo que ninguém havia conhecido antes.
Damien é o tipo perfeito que toda mulher sonha... (Sem entrar em detalhes, rs) 
E a nossa protagonista  mesmo sendo dura na queda, foi a sortuda da vez!

Espero poder ler os livros que faltam para eu completar essa trilogia maravilhosa, adorei a forma que a Susan Fox escreve e garanto que vocês também irão adorar.

Obs: Só pra lembrar, esse livro está na categoria de livros eróticos, ou seja, ela é para maiores de 18 anos.




                                            A culpa é das Estrelas





*Título: A culpa é das estrelas

*Autor: John Green

*Edição: Intrínseca

*Ano: 2012

*Páginas: 286


"Apesar do milagre da medicina que fez diminuir o tumor que a atacara há alguns anos, Hazel nunca tinha conhecido outra situação que não a de doente terminal, sendo o capítulo final da sua vida parte integrante do seu diagnóstico."



Assim que decidi ler esse livro, já tinha ouvido todo tipo de críticas, dos fãs ardorosos que amam, dos que odiaram e daqueles que apenas acharam um livro razoável. A narrativa do John Green, é interessante, embora triste às vezes, mas tem um humor ácido e refinado.  Hazel Grace é uma das protagonistas principais, ela é muito interessante, mesmo tendo a "sobrevida" limitada e super difícil, tendo que conviver com o seu cancêr terminal controlado por um nova droga experimental. Uma pessoa triste, revoltada e solitária. O câncer devorou tudo o que ela tinha de melhor, a saúde, o vigor, os amigos, a escola e estava adoecendo a sua família, que vivia em função de cuidar dela. 
Hazel vê o seu pequeno universo mudar, ao conhecer Augustus Waters no grupo de apoio, um adolescente também portador de Câncer ósseo e amputado de uma perna. Essa história tinha tudo para dar errado, porém Hazel e Gus transformam suas vidas, a partir do improvável amor que surge, pois ambos têm medo, de morrer, de se apaixonar, de deixar os seus entes queridos. A partir daí, os dois superam os seus limites físicos, passam a viver intensamente esse amor sem pensar no amanhã. Achei incrível a pesquisa na área médica, feita pelo autor, embora com alguns dados fictícios, mas tornou a história possível e deu um grau de espectativa para os portadores do câncer.
Me identifiquei um pouco com a história, com a visão de Hazel.
É uma linda história de um amor lindo, intenso e surpreendente. Um amor de dois jovens que superam todas as impossibilidades e descobrem o amor, o sexo,  as decepções e aprendem a lutar e ter esperança. É uma história de superação não só de uma doença que por anos foi tabu, além do câncer o livro trata da perda, de relacionamentos interrompidos e de famílias destroçadas pelo câncer, vai até além, pois mostra o isolamento, a solidão e o preconceito sofrido pelas pessoas com a deficiência.O autor através do olhar de Hazel, com o seu cilindro de oxigênio e de Gus, com a prótese na perna amputada, nos ensina um pouco do cotidiano e da superação dos pacientes portadores de câncer, bem como as vitórias, derrotas e a superação.
Como diz o livro: "Você vai rir, vai chorar e ainda vai querer mais". 
E foi isso que me aconteceu, eu ri, chorei e me diverti, a linguagem é fácil, leve e foi uma leitura deliciosa.  Amei demais os personagens.













Só pra lembrar, o filme A culpa é das Estrelas, foi lançado dia 05 de Junho e foi e está sendo um grande sucesso, ainda não assistir, mas estou super ansiosa pra assisti-lo e garanto que eu não irei me arrepender.






                                                   Píppi Meialonga













*Título: Píppi Meialonga

*Autora: Astrid Lindgren 

*Edição: Companhia das letrinhas

*Ano: 1945

*Páginas: 156



Autora de mais de oitenta livros já traduzidos para mais de setenta línguas, a sueca Astrid Lindgren escreveu Píppi Meialonga em 1945, como presente para os dez anos de sua filha.
Nesse livro, vemos como a Píppi foi parar na Vila Vilekula, e como ela conhece seus grandes amigos Tom e Aninha, que moram na casa da frente. Tom e Aninha são meninos muito asseados, que moram com os pais e tentam nunca se sujar, e sempre pensam como é triste que a casa da frente não tenha ninguém que possa brincar com eles, até que Píppi muda pra lá (ela mora sozinha!) e faz amizade com eles. 
O livro é repleto das aventuras da Píppi, como a ida ao circo, o resgate das vítimas de um incêndio e o aniversário dela.

Adorei este livro, dei altas risadas com a Píppi, super recomendo!




                                     O diário de um adolescente Hipocondríaco 








*Título: Diário de um adolescente Hipocondríaco.

*Autores: Aidan Macfarlane e Ann MCPherson

*Edição: 34

*Ano: 1993

*Páginas: 174



O livro conta a história de Peter Payne, um adolescente inglês de 14 anos, que é apaixonado por uma garota, mas não tem coragem de se declarar, pois tem medo de levar um fora.
Um dia descobre que sofre de hipocondria, ou seja, é um maníaco por doenças. 
Peter ansioso pesquisa imediatamente o que seria hipocondria, os assuntos que Peter pesquisava eram assuntos que marcavam a vida de adolescentes como ele, que para tudo colocavam pontos de interrogação.
  então ele descobre que ele tinha preocupação excessiva com a própria saúde, por outro lado ele também fica decepcionado, pois não sofria de nenhuma doença grave.

Livro muito engraçado por sinal, não sei se tem alguma continuação dele, se tiver, ótimo! 





                                        Deixe a neve cair.










*Título: Deixe a Neve Cair

*Autores: John Green, Maureen Johnson, Lauren Myracle.

*Edição: Rocco

*Ano: 2013 

*Páginas: 335


O livro tem três contos, cada um escrito por um autor diferente, Maureen Johnson (Zumbins x Unicórnios),
Lauren Myracle (Formaturas infernais) e o bastante conhecido John Green (Quem é você alasca?) 

O primeiro conto, O expresso Jubileu, eu me encantei, nunca tinha lido nada da escrito pela autora Maureen, me encantei com a escrita dela, sem contar na história, que se baseia em um romance super divertido e engraçado.

Adorei tanto esse livro que eu decidi deixa-los um pouco curiosos a respeito e gostaria de que vocês comentassem a respeito do livro e me dissessem o que acharam do mesmo. Eu simplesmente amei! 




Bom meninas, espero que vocês tenham gostado e estou aberta a sugestões de vídeos e posts.

Um beijão pra vocês! ♥


Nenhum comentário:

Postar um comentário